in

Max Verstappen minimiza avanços da McLaren: “Não significam nada”

Piloto da Red Bull projeta corrida diferente para o GP de Mônaco após vitória apertada em Miami; leia mais

Lando Norris, Max Verstappen, Fórmula 1
Lando Norris e Max Verstappen (X - @redbullracing)

De olhoo no GP de Mônaco, o piloto Max Verstappen acha que não há ameaça real da McLaren para a Red Bull após a estreita margem de vitória em Imola. O holandês superou Lando Norris na linha de chegada por apenas sete décimos de segundo, depois de também ter defendido a equipe de Woking durante a qualificação.

A McLaren pretendia conquistar vitórias consecutivas depois de sair vitoriosa no GP de Miami no início do mês, quando introduziu um pacote de atualização considerável no carro de Norris. Embora a equipe tenha conseguido manter sua forma competitiva, Verstappen expressou que espera um cenário diferente para o próximo evento.

“Os progressos [da McLaren] não significam nada. Depois, Mônaco é completamente diferente, mas você pode ver, é claro, que está claramente muito próximo agora. Acho que tive um pouco mais de ritmo com o [pneu] médio, mas não tive esse ritmo com o duro”, disse ele.

“E no final do dia, basicamente ultrapassamos a linha como se quase começássemos a corrida. Foi incrivelmente disputado e Mônaco é sempre muito agitado. Você precisa realmente acertar toda a qualificação para conseguir uma volta lá, fazer os pneus funcionarem bem quando for preciso, é sempre muito complicado. Mônaco é muito especial, eu diria, nesse sentido”, acrescentou.

Norris, que conquistou sua primeira vitória em Miami e três pódios nas últimas três rodadas, também reconheceu que a sua boa forma significa muito pouco antes do fim de semana na pista do Mônaco. “É um circuito diferente, mas não muito, na verdade. Quer dizer, para a equipe é muito bom. Isso lhes dá uma boa dose de confiança. Estamos no caminho certo. Estamos lutando contra Ferraris e Red Bulls e essa é a expectativa agora”.

“É aqui que estamos e é isso que temos que fazer. Então, se hoje fôssemos pior do que o segundo lugar, acho que não fizemos um bom trabalho e ficaríamos desapontados. Creio que queremos fazer o mesmo novamente”, concluiu.

Arthur Santos Eustachio

Escrito por Arthur Santos Eustachio

Meu nome é Arthur Santos Eustachio. Sou formado em Jornalismo pela Cásper Líbero.

Atuo como produtor de conteúdo para sites e mídias digitais. Escrevo notícias sobre esportes em geral - hoje principalmente na área de automobilismo: Fórmula 1, MotoGP e Nascar. Já trabalhei na 365Scores e como administrador de páginas esportivas.

Meus esportes favoritos são futebol, tênis, basquete e Fórmula 1. Minhas maiores referências são Cristiano Ronaldo, Novak Djokovic e Max Verstappen.

No mais, curto ler, ouvir música, assistir filmes e, claro, praticar esportes.

Comentários

Loading…

Toto Wolff, Mercedes, Fórmula 1

Chefe da Mercedes, Toto Wolff, reconhece progresso da McLaren: “É onde queremos chegar”

Sergio Pérez, companheiro de Verstappen na Red Bull.

Pérez sobre Verstappen na Red Bull: “Teria me destacado mais se fosse outro piloto”