in

Toyota estabelece meta para atualizar suspensão do carro na WRC

Toyota já estabeleceu a meta para deixar o seu carro ainda melhor no Mundial de Rally, preocupando bastante seus adversários

toyota wrc
Divulgação / WRC

A Toyota lançará uma atualização de suspensão em seus carros GR Yaris Rally1 enquanto busca conquistar sua primeira vitória na campanha do Campeonato Mundial de Rally de 2024 no Safari Rally Kenya.

Cabe relembrar que os japoneses venceram as três edições anteriores do Safari Rally, conhecido por ser o evento mais cansativo do calendário do WRC. A Toyota delineou a velocidade e a confiabilidade à prova de balas de seus carros marcando um bloqueio 1-2-3-4 em 2022 e 2023 em seu caminho para títulos consecutivos de construtores do Rally1.

A equipe campeã não mostra sinais de descansar sobre os louros ao introduzir uma atualização de suspensão no Quênia, projetada para melhorar o desempenho e a confiabilidade. Após uma mudança nos regulamentos da FIA, a equipe também deverá instalar dispositivos de snorkel em seus carros para combater as condições mais úmidas previstas, agora que o evento passou de junho para uma data chuvosa em março.

Dada a mudança de data e as condições desesperadamente molhadas e lamacentas que as equipas experimentaram nos reconhecimentos desta semana, Latvala acredita que o piloto mais inteligente e não necessariamente o mais rápido triunfará. Por fim, a Toyota apresentará três inscrições no GR Yaris para Elfyn Evans, Takamoto Katsuta e o bicampeão mundial Kalle Rovanpera, para manter o domínio no restante do nao.

Aspas de Jari-Matti Latvala, chefe da Toyota

“É difícil fazer mudanças significativas no carro para este evento, mas estamos introduzindo uma atualização geral para a suspensão. Também é ótimo podermos colocar snorkels nos carros, o que não só parecerá muito legal, mas também ajudará se houver mais água na estrada.”

“O Safari Rally é um evento que sempre esperamos. Este ano, poderá trazer um desafio diferente com a mudança de data: agora é a estação das chuvas no Quénia, por isso há mais risco de condições difíceis.”

Avatar

Escrito por Fabricio Carvalho

Comentários

Loading…

Fórmula 1

Fornecedora de freios culpa Ferrari e Red Bull por quebras: ‘Configuração errada’

Aston martin GP do Bahrein 2024

Aston Martin se posiciona após incidente entre Alonso e Russell