in

F1 hoje: Horner projeta evolução da Mercedes e dá esperanças a Lewis Hamilton

Britânico sonha com oitavo título enquanto vê Red Bull dominar a Fórmula 1

Lewis Hamilton, Mercedes
X/Mercedes

Lewis Hamilton ficou perto de conquistar o oitavo título em 2021, mas foi superado por Max Verstappen nos minutos finais da temporada. Desde então, o experiente britânico não conseguiu mais alcançar o topo da Fórmula 1 e vê o rival holandês dominar a categoria.

No entanto, Christian Horner, chefe da Red Bull, acredita na evolução da Mercedes para os próximos anos. Primeiro, ele falou sobre o domínio de sua equipe:

“Tenho certeza de que nos próximos dois anos veremos corridas muito mais disputadas. Não vamos repetir o ano, [2023] será considerado um ano de único para nós, isso é certo”, cravou ele, que falou logo em seguida sobre a possível evolução da Mercedes:

“A Mercedes tem grande força em profundidade. Obviamente, eles tiveram um período difícil, mas têm ótimos pilotos e vão se recompor, seria de se supor, em algum momento”, disse Horner.

Toto Wolff, chefe da Mercedes, já prometeu entregar um carro mais competitivo ao heptacampeão: “Ele é claramente a personalidade mais importante em nosso esporte, ele é tão multidimensional”, enalteceu. “Não é apenas o piloto de corrida e campeão mundial, mas ele também é pioneiro em diversidade e sustentabilidade. Devemos a ele um oitavo campeonato”, completou.

Aos 39 anos, Hamilton tem contrato até o fim de 2025 com sua atual equipe. Para 2024, o objetivo é diminuir a diferença para a Red Bull, que segue como favorita a mais um título. Verstappen já soma 54 vitórias na Fórmula 1 e chegou ao tricampeonato de forma soberana, com 19 vitórias em 22 corridas.

Na reta final de 2023, o britânico ameaçou se aproximar do mexicano Sergio Pérez, mas a desclassificação no GP dos EUA atrapalhou os planos. Além disso, a McLaren também apresentou grande evolução ao longo do ano passado, algo que foi comentado por Horner:

“É difícil identificar qual deles provavelmente será o maior desafiante, mas você quase pode escolher”, refletiu ele sobre os adversários da Red Bull para 2024.

Paulo Sérgio Leite da Silva

Escrito por Paulo Sérgio Leite da Silva

Jornalista, amante da escrita e apaixonado por esportes. Falo sobre futebol internacional, nacional e esportes americanos, principalmente NFL e NBA. Santista e apreciador do bom futebol.

Comentários

Loading…

marco andretti

Marco Andretti volta a disputar as 500 Milhas de Indianápolis em 2024

Helmut Marko: "Verstappen e Hamilton nunca serão companheiros de equipe na Fórmula 1".

F1 hoje: Verstappen revela relacionamento ‘normal’ com Hamilton fora das pistas