in

Franz Tost relembra primeiro teste de Max Verstappen na Fórmula 1: “Fiquei impressionado”

Ex-diretor da Alpha Tauri lembra que o holandês causou boas impressões já em sua primeira aparição na equipe júnior da Red Bull e fez valer ‘aposta’ precoce

Max Verstappen Fórmula 1
Max Verstappen com a taça do GP de Abu Dhabi da Fórmula 1 em 2023. (Crédito: Divulgação / Oracle Red Bull Racing)

Franz Tost foi chefe de equipe da Alpha Tauri durante anos antes de se aposentar da Fórmula 1. Além disso, desempenhou papel importante como recrutador de talentos para a Red Bull, em parceria com Helmut Marko. Trabalhando nesta função, o veterano conheceu Max Verstappen e viu in loco o florescer do talento do holandês, hoje tricampeão mundial de F1.

“Lembro-me do Max no [circuito de Norisring, na Alemanha] aos 16 anos. Estava molhado e ele foi um segundo e meio a dois segundos mais rápido do que qualquer outra pessoa”, disse Tost à BBC, segundo o portal RacingNews365.

“Eu disse que todos os outros pilotos deveriam devolver suas licenças, o único piloto neste campo é Max Verstappen”, brincou o ex-chefe de equipe da Alpha Tauri na Fórmula 1, quando conheceu Max na F3.

Max Verstappen impressionou Franz Tost

Logo em seguida, a Red Bull contratou o então jovem holandês junto à Toro Rosso (atual Alpha Tauri), com a equipe oferecendo uma vaga rápida à Fórmula 1.

Dessa forma, Max Verstappens estreou nos treinos da F1 pela Toro Rosso com apenas 17 anos, no Grande Prêmio do Japão de 2014.

Tost revelou o quanto se impressionou com o jovem piloto: “Durante seu primeiro teste, fiquei realmente impressionado com a rapidez com que ele se adaptou à velocidade e aos freios…”, disse.

“Normalmente, os pilotos precisam de 100 a 150 km para se acostumar com a enorme potência que um carro de F1 tem sob aceleração e frenagem. Mas desde a primeira volta em diante ele estava familiarizado com tudo”, prosseguiu Tost.

“Decidimos que ele faria o TL1 em Suzuka [no GP do Japão de 2014] e os jornalistas disseram: ‘Você é totalmente louco… Suzuka é uma das pistas mais perigosas; como você pode iniciá-lo no TL1? Ele tem que estar preparado'”, sentenciou o veterano.

“Eu falei: ‘Não fale tanto, vamos discutir daqui a cinco anos, aí a gente vai ver quem estava certo – eu ou você?’. Não demorou cinco anos – imediatamente, a partir do primeiro ano”, concluiu Franz Tost.

Em 2023, Verstappen venceu 19 das 22 corridas da Fórmula 1 ao longo do ano. E de quebra, faturou o tricampeonato mundial de F1 de forma consecutiva com a Red Bull Racing.

Avatar

Escrito por Luciano Ferreira

Comentários

Loading…

Fernando Alonso Aston Martin

Fernando Alonso reflete sobre temporada da Aston Martin: “Vejo aspectos positivos”

Ex-CEO da Fórmula 1 acredita que Mick Schumacher estaria “em boas mãos” na Red Bull