in

Horner manda recado a rivais de Verstappen: “Não dura para sempre”

Christian Horner, Red Bull
Divulgação/X/Red Bull

Muitas os fãs da Fórmula 1 têm classificado a categoria como “chata”, visto que Max Verstappen e a Red Bull são “muito dominantes”. O piloto Lando Norris, da McLaren, reforçou o assunto no fim de semana, após terminar em segundo no GP da China, em Xangai. O holandês domina desde que os regulamentos de 2022 foram introduzidos. No entanto, o chefe da equipe Red Bull, Christian Horner, acha que as pessoas deveriam apreciar o sucesso do tricampeão mundial.

Em 2021, os fãs da Fórmula 1 foram “mimados” com um duelo ponto a ponto entre Lewis Hamilton e Verstappen. Desde então, não houve uma longa batalha pelo Campeonato Mundial da categoria.

Em 2024, Verstappen também já venceu quatro das cinco corridas que disputou até agora. Apesar disso, Horner acha que não faz sentido rotular a Fórmula 1 como “chata.

“Acho que você tem que valorizar o sucesso. Max é um talento especial. É um momento de ouro para ele. Como vimos com cada piloto, não dura para sempre”, disse Horner em trecho divulgado pelo GPBlog, mandando um recado aos rivais.

“Acho que se trata de aproveitar o momento, estar em no momento. Não há garantias de que seremos capazes de dar a ele um carro como este todos os anos durante os próximos cinco anos. Então, é fazer o que puder enquanto puder.”

Além de Horner, Marko também comentou o assunto

Conselheiro da Red Bull, o veterano Helmut Marko, em entrevista ao De Telegraaf, também rechaçou que a categoria está “chata” pelo domínio de Verstappen e destacou que isso não será “eterno”.

“Não é nada chato. Se o desempenho de um esportista é extraordinário, então você deve aceitar isso e ser capaz de apreciá-lo. E acima de tudo, não diga que é chato. Isso é mérito de Max. Em termos de qualificação, Max claramente deu um passo. Já era hora também, porque em termos de pole positions ele ainda está um pouco atrás em relação às vitórias”, lembrou Marko.

Verstappen venceu o GP da China e segue na liderança na classificação dos pilotos da Fórmula 1. São 110 pontos contra 85 de seu companheiro, Sérgio Perez. Em terceiro aparece Charles Leclerc, da Ferrari, com 76 pontos.

Avatar

Escrito por Matheus Camargo

Comentários

Loading…

Após escalada de dez posições, Dudu Barrichello termina em nono na corrida principal da Stock Car em Interlagos

Foto de Lando Norris no GP de Abu Shabi da F1 para representar o piloto da McLaren que condenou decisão da Fórmula sobre nova regra de ultrapassagem

Norris admite surpresa com a McLaren no GP da China: “Melhor do que esperávamos”