in

Nascar: Austin Hill vence abertura em Daytona pela terceira vez seguida na Xfinity

Hill confirmou supremacia no circuito Daytona International Speedway ao triunfar mais uma vez na primeira prova da Nascar Xfinity

Austin Hill venceu estreia na Nascar Xfinity
Austin Hill venceu estreia na Nascar Xfinity (Divulgação/Nascar)

Em virtude do temporal que caiu na Flórida no fim de semana, os principais eventos de abertura da Nascar ficaram para segunda-feira (19). Logo após a vitória de William Byron na Cup Series, a corrida da Xfinity em Daytona International Speedway foi realizada.

Na primeira rodada da divisão inferior da Nascar, Austin Hill levou a melhor mais uma vez. Foi o terceiro triunfo consecutivo do piloto na abertura da Xfinity em Daytona.

Hill ultrapassou Jordan Anderson na relargada restando três das 120 voltas restantes e segurou Chandler Smith por 0,591 segundos. Assim como a prova da Cup Series, a corrida também foi marcada por acidentes envolvendo vários carros, como o do próprio vencedor da prova.

“Obrigado a todos os fãs da Nascar que resistiram”, divertiu-se Hill

Foi a sétima vitória da carreira de Austin Hill, que o classifica já na primeira rodada para os playoffs da competição. O automobilista superou também uma penalidade por excesso de velocidade no pit road.

“Isso supera tudo. Quero dizer, uma vitória tripla? Você sabe como é difícil vencer em Daytona”, disse Hill logo após receber a bandeirada. “Não sei o que estava acontecendo comigo no pit road hoje, mas meus rapazes continuaram me dizendo que eu era bom nessas supervelocidades”, completou.

O tricampeão em Daytona brincou com a hora atípica da realização da corrida, encerrada quase de madrugada. “Obrigado a todos esses fãs que resistiram. Eu nem sei que horas são. Só sei que já passou da minha hora de dormir, mas estamos prestes a festejar esta noite, posso te garantir”, celebrou.

Pela ordem dos 10 primeiros, além de Austin Hill, ficaram: Sheldon Creed, Riley Herbst, Parker Retzlaff, Justin Allgaier, Jordan Anderson, Chandler Smith, AJ Allmendinger, Cole Custer e Brandon Jones.

Comentários

Loading…

Aston Martin quer manter Fernando Alonso para 2025

Fernando Alonso critica atual formato dos testes de pré-temporada da Fórmula 1

Ryan Blaney, campeão da Nascar em 2024

Atual campeão da Nascar, Ryan Blaney lamenta acidente na Daytona 500: “Não espero isso”