in

F1 hoje: Felipe Drugovich mantém sonho por vaga como titular 

O brasileiro Felipe Drugovich vive a terceira temporada de Fórmula 1 (F1) como piloto reserva da Aston Martin

Felipe Drugovich na F1
Felipe Drugovich busca vaga como titular da F1 (foto: divulgação/Aston Martin)

Felipe Drugovich vive a terceira temporada de Fórmula 1 (F1) como piloto reserva da Aston Martin. Desde que foi campeão do principal torneio de base do automobilismo mundial, a Fórmula 2, o brasileiro participou de treinos livres e pré-temporada, além de trabalhos no simulador. 

O competidor nascido em Maringá estreou oficialmente na categoria ao ir para a pista na primeira sessão de treino livre da edição 2022 do GP de Abu Dhabi. No ano seguinte, ele substituiu Lance Stroll na pré-temporada.  

Mesmo sem disputar corridas, Felipe Drugovich mantém o sonho de ser um piloto titular da F1. 

“Não posso reclamar. Há chances, mas é necessário estar no lugar certo, na hora certa. Ainda não acabou. Vamos ver”, declarou, em entrevista ao site The Race. 

“Eu vou à maioria das corridas. Diria que, de 24 a 25, vou para 14 ou 15. O simulador também funciona antes das corridas. Nas provas, eu fico com os engenheiros e ouvindo cada relatório”, acrescentou. 

O cenário não deve mudar para Felipe Drugovich nos próximos anos. Isso porque a Aston Martin renovou o contrato de Fernando Alonso por mais duas temporadas. E Lance Stroll é filho do proprietário da equipe, o empresário Lawrence Stroll. 

“Acho que está tudo bem. Era isso que eu esperava. Para ser justo, hoje em dia é muito difícil se comprometer com uma equipe e saber o que vai acontecer. Mesmo que você ganhe a Fórmula 2, não tem certeza se vai entrar na F1”, declarou. 

O brasileiro analisou que é bem tratado pela Aston Martin. “Me deu tudo o que eu poderia pedir: testes, sessões de treinos, além de viagens para corridas. Acho que é necessário olhara para a equipe que vai fazer o melhor para você”, concluiu Felipe Drugovich. 

Quando volta a F1 

A próxima etapa da categoria é o GP da Espanha. A prova será disputada de 21 a 23 de junho. O calendário é formado por três sessões de treino livre, um treino classificatório e a corrida. Veja a agenda completa: 

21 de junho 

  • Treino livre 1 – 8h30 
  • Treino livre 2 – 12h 

22 de junho 

  • Treino livre 3 – 7h30 
  • Treino classificatório – 11h 

23 de junho 

  • Corrida – 10h

Nota: o calendário está de acordo com o horário de Brasília

Avatar

Escrito por Octávio Almeida Jr

Jornalista formado pela Universidade da Amazônia (UNAMA), 29 anos. Repórter de campo pela Rádio Unama FM e do site NasPistas.com.

Comentários

Loading…

Toprak, piloto da BWM

Toprak vence novamente em Misano e dispara na SBK

Mick Schumacher

24 horas de Le Mans: Mick Schumacher vê “pontos positivos” na sua participação na corrida