in

Ferrari roubada de Gerhard Berger é encontrada 28 anos depois; entenda

Dois carros da marca Ferrari foram furtados durante Grande Prêmio de San Marino de 1995, no circuito de Ímola

Ferrari sumiu em 1995 e foi encontrada quase 30 anos depois
Ferrari sumiu em 1995 e foi encontrada quase 30 anos depois (Divulgação/Polícia Metropolitana de Londres)

Conforme informações do portal RacingNews365 divulgadas hoje (04), um automóvel Ferrari que pertence a Gerhard Berger foi encontrado depois de quase 30 anos. Durante o GP de San Marino de Fórmula 1 em 1995, dois motoristas foram roubados, sendo um deles o então piloto austríaco.

Logo após o sumiço do F512M de Berger do paddock em Ímola, a polícia foi acionada. Entretanto, as buscas não tiveram sucesso na ocasião.

Apenas no ano passado, a Unidade de Crime Organizado em Veículos da Polícia Metropolitana de Londres foi informada pela Ferrari sobre um potencial carro roubado que um comprador estava tentando importar do Reino Unido para os Estados Unidos.

Ferrari foi localizada em somente quatro dias

Logo após uma rápida investigação, foi descoberto que o carro tinha sido enviado para o Japão pouco depois do roubo. Depois de apenas quatro dias, a Unidade já tinha a posse do automóvel, avaliado em 350.000 libras esterlinas (quase R$ 2,2 milhões, na cotação atual).

“Nossas investigações foram minuciosas e incluíram o contato com autoridades de todo o mundo. Trabalhamos rapidamente com parceiros, incluindo a Agência Nacional do Crime, bem como a Ferrari e concessionárias de automóveis internacionais. E esta colaboração foi fundamental para compreender os antecedentes do veículo e impedi-lo de sair do país”, comunicou Mike Pilbeam, chefe da investigação da Polícia Metropolitana de Londres.

De acordo com o RacingNews365, o segundo carro roubado em 1995 continua desaparecido e nenhuma prisão ainda foi feita. As investigações seguem em andamento.

Comentários

Loading…

Kyle Larson celebra primeira vitória na Nascar em 2024

Kyle Larson celebra primeira vitória na temporada na Nascar: “Não posso pedir muito mais”

Locatelli elogiado por desempenho SBK

Yamaha mostra confiança em desempenho de Locatelli