in

Fórmula 1: chefe da Haas espera dificuldades no GP do Japão 

Haas, equipe de Fórmula 1
Haas vai disputar o GP do Japão, na Fórmula 1 (foto: reprodução/Haas)

Motivada pela obtenção de pontos nas duas provas mais recentes de Fórmula 1, a Haas espera dificuldades na próxima etapa. O Grande Prêmio do Japão está marcado para ocorrer nesta semana, de 4 a 7 de abril. 

“No Bahrein, Jeddah e Melbourne, descobrimos que nosso carro não foi capaz de lidar com as seções de alta velocidade da melhor forma. Por isso esperamos sérias dificuldades em Suzuka”, iniciou Ayao Komatsu, chefe da escuderia. 

“Será importante ver como podemos reduzir esta diferença de velocidade e alcançar o nível necessário de estabilidade e tração antes do treino classificatório, especialmente porque as ultrapassagens serão difíceis nesta pista”, analisou. 

A Haas tem quatro pontos e ocupa o 7° lugar no torneio de construtores da Fórmula 1. Está à frente de Williams, Kick Sauber e Alpine.

“Embora seja difícil lidar com todos estes desafios, temos algumas ideias. Por isso vamos experimentar e tentar melhorar o treino de sexta-feira”, explicou Komatsu. 

“Espero que o ritmo de corrida seja melhor do que o da qualificação, tal como em Melbourne. Teremos que levar isso em conta ao determinar a estratégia de corrida”, finalizou. 

Conforme já destacado, o GP do Japão ocorre de 4 a 7 de abril. O calendário do evento é dividido em três sessões de treino livre, uma de treino classificatório, além da corrida. 

Fórmula 1: veja a classificação 

Campeonato de pilotos 

  • Max Verstappen (Red Bull) – 51 pontos 
  • Charles Leclerc (Ferrari) – 47 pontos 
  • Sergio Pérez (Red Bull) – 46 pontos 
  • Carlos Sainz (Ferrari) – 40 pontos 
  • Oscar Piastri (McLaren) – 28 pontos 
  • Lando Norris (McLaren) – 27 pontos 
  • George Russell (Mercedes) – 18 pontos 
  • Fernando Alonso (Aston Martin) – 16 pontos 
  • Lance Stroll (Aston Martin) – 9 pontos 
  • Lewis Hamilton (Mercedes) – 8 pontos 
  • Yuki Tsunoda (Visa RB) e Oliver Bearman (Ferrari) – 6 pontos 
  • Nico Hulkenberg (Haas) – 3 pontos 
  • Kevin Magnussen (Haas) – 1 ponto 
  • Alex Albon, Logan Sargeant (ambos da Williams), Guanyu Zhou, Valtteri Bottas (ambos da Kick Sauber), Daniel Ricciardo (Visa RB), Esteban Ocon e Pierre Gasly (ambos da Alpine) – 0 pontos 

Campeonato de construtores 

  • Red Bull – 97 pontos 
  • Ferrari – 93 pontos 
  • McLaren – 55 pontos 
  • Mercedes – 26 pontos 
  • Aston Martin – 25 pontos 
  • Visa RB – 6 pontos 
  • Haas – 4 pontos 
  • Williams, Kick Sauber e Alpine – 0 pontos 

Comentários

Loading…

De volta pra casa

Buzzin' Corner, Suzuka, Fórmula 1

Fórmula 1 2024: Onde assistir AO VIVO ao GP do Japão