in

Piloto de Fórmula 1 investe em time de futebol: “Início de uma história maravilhosa”

Pierre Gasly, piloto da Alpine, se tornou sócio do FC Versailles, time atualmente da terceira divisão do Campeonato Francês

Pierre Gasly, Fórmula 1
Reprodução / Twitter - @AlpineF1Team

Pierre Gasly, piloto de Fórmula 1 da Alpine, usou parte de sua fortuna para investir em um clube de futebol em seu país natal. O francês assinou um contrato com o FC Versailles, time  da terceira divisão do Campeonato Francês. Gasly se tornou acionista do clube ao lado de Alexandre Mulliez, presidente da equipe, e Fabien Lazare, sócio do piloto em outros negócios.

Atualmente, o FC Versailles ocupa a décima colocação da terceira divisão do campeonato local. Num passado recente, em 2022, a equipe caiu na semifinal da Copa da França, a melhor colocação do clube na história competição até então. 

“Estou muito feliz por me envolver com o FC Versailles porque sempre quis me envolver com o futebol profissional. Com Alexandre e Fabien partilhamos valores, ambição e um forte espírito competitivo que nos permitirá desenvolver positivamente o clube. Este é o começo de uma história muito bonita”, disse Gasly em comunicado divulgado pelo time francês.

+ Ocon e Gasly admitem Alpine atrás de rivais na Fórmula 1: “Não estamos no topo”

Num primeiro momento, mais do que construir uma equipe capaz de chegar à primeira divisão francesa, o FC Versailles quer desenvolver jovens talentos. O comunicado diz que a intenção é “estruturar e desenvolver um novo clube de futebol em Île-de-France, 100% francês”. 

O presidente do FC Versailles, Alexandre Mulliez, também comentou a parceria com Gasly. “Pierre traz um forte complemento para Fabien e para mim. Estou convencido de que nossa colaboração será frutífera. Como fã de longa data da F1, tenho sorte de ter Pierre ao nosso lado para alcançar todos os nossos objetivos”, afirmou.

Agora, Gasly se junta a Lewis Hamilton e Valtteri Bottas na lista de pilotos com investimentos em outros esportes. O heptacampeão mundial, por exemplo, tem aplicações no grupo Walton-Pennen, que detém parte do Denver Broncos, time da NFL, a principal liga de futebol americano. Já o piloto finlandês é proprietário de 10% do Lahti Pelicans, clube de hóquei de seu país natal.

Avatar

Escrito por Danielle Barbosa

Comentários

Loading…

Grande Prêmio da Austrália

Teremos chuva? Confira a previsão do tempo para o GP da Austrália de Fórmula 1

Toto Wolff, Mercedes

Toto Wolff aponta onde Mercedes precisa melhorar para sequência da temporada 2024