in

No radar da Mercedes? Vettel revela contato de Wolff após Hamilton fechar com a Ferrari

Após troca de mensagens, tetracampeão atualiza possibilidades de retorno à Fórmula 1

Sebastian Vettel, Fórmula 1
Sebastian Vettel (Reprodução / X - Aston Martin)

Após o fim da temporada de 2022, Sebastian Vettel não só se despediu da Aston Martin como também da Fórmula 1, se aposentando da categoria mais popular do automobilismo mundial com quatro títulos.

O alemão nunca descartou um retorno às pistas em um futuro próximo, mas sempre deixou claro que esta não seria sua intenção. No entanto, Lewis Hamilton deu um “duro golpe” na Mercedes para os próximos anos ao anunciar que deixará a equipe para se juntar à Ferrari em 2025.

Dessa forma, diversos nomes, incluindo o de Vettel, passaram a ser especulados para o seu lugar na escuderia alemã, escancarando a grande dor de cabeça de Toto Wolff, que terá de “caçar” um substituto a altura do heptacampeão mundial.

Leia também:
– Vettel cogita substituir Hamilton na Mercedes, revela Ralf Schumacher

O chefe de equipe e CEO da Mercedes, no entanto, não parece motivado a alimentar especulações, não revelando a princípio qualquer tipo de conversa ou preferência por algum nome do mercado de pilotos, seja dentro ou fora do grid atual da F1.

Ainda assim, segundo o próprio Sebastian Vettel, Toto Wolff conversou com ele após o anúncio da saída de Lewis Hamilton. Porém, o tetracampeão não confirmou o verdadeiro objetivo das mensagens trocadas com o austríaco.

Fiquei surpreso com a transferência (de Hamilton). O chefe de equipe da Mercedes, Toto Wolff, não me ligou, mas trocamos mensagens de texto brevemente“; revelou Sebastian em entrevista ao Nzz.ch, antes de falar sobre as reais possibilidades de seu retorno à F1: “Até o momento, isso não é um problema para mim, até porque, aos 36 anos, ainda tenho todo o tempo do mundo, então não há como desistir“; afirmou.

Toto Wolff, Mercedes
Toto Wolff, chefe de equipe e CEO da Mercedes (Divulgação/Mercedes)

Vettel quer retornar à Fórmula 1?

Apesar de parecer disposto a ouvir propostas – principalmente após o movimento de Hamilton -, Vettel fez questão de destacar o quanto o período fora das pistas da Fórmula 1 está sendo importante à sua mente, o que pode dificultar um retorno.

Acho que nesse um ano sem correr, aprendi e compreendi muito, inclusive sobre mim mesmo. Estar do outro lado teve um grande impacto sobre mim, e muitas perguntas vieram à minha mente. Até o momento, não tenho planos“; revelou o alemão. “Talvez chegue um momento em que eu diga: ‘sim, eu gostaria de voltar’ (à F1). Quando eu me organizar mentalmente, de modo que tudo volte a fazer sentido“; disse o tetracampeão.

Avatar

Escrito por Mateus Pereira

Colaborador do Naspistas desde 2023, nasci no estado do Rio de Janeiro e alinho minha maior paixão à minha vocação através da produção de conteúdo sobre esportes. Entre as minhas áreas de maior domínio e experiência profissional estão o automobilismo, o futebol e o universo geek.
Certificado como Jornalista Digital e Social Media pela Academia do Jornalista, contribui no passado como Colunista, Editor-chefe e Líder da editoria de Esportes nos portais R7 Lorena e iG In Magazine.

Comentários

Loading…

Ben Sulayem, presidente da FIA

Presidente da FIA se manifesta sobre investigação contra Horner e lamenta: “Prejudica o esporte”

Pato O'Ward

Pato O’Ward será piloto reserva da McLaren na F1 a partir de setembro